diariodefoz-logo-cabec wh

Presidente Franco quer ações de promoção do destino após abertura de ponte com Foz

Saltos del Monday, um dos atrativos turísticos naturais mais importantes do lado paraguaio da tríplice fronteira
WhatsApp
Facebook

A Câmara de Turismo de Presidente Franco (Catur) questionou a falta de iniciativas concretas do Senatur para promover o segmento na região e especialmente no município, “apesar do enorme potencial turístico que possui”, diz o órgão.

A intenção é implementar, após a abertura da Ponte da Integração Brasil-Paraguai, projetos e ações de alto impacto para projetar a chamada o destino em nível nacional e internacional. A iniciativa inclui inclusive a mudança do nome de “Saltos” para “Cataratas del Monday”.

O desenvolvimento de ações mais ousadas para a promoção turística de Presidente Franco, que será unida com Foz do Iguaçu após a inauguração da Ponte da Integração, ganhou destaque na rádio La Clave.

Ao informativo, o presidente da Catur, Diego Benítez, informou lamentar que a Secretaria Nacional de Turismo, sob a liderança regional do departamento de Alto Paraná, se limite a realizar “um trabalho de formiga” em termos de promoção turística, sem apresentar grandes projetos que tornem o a maioria das atrações da região.

Leia também

“Embora existam iniciativas em curso, estas são de pequena magnitude e não geram um impacto significativo no desenvolvimento do turismo”, disse Benítez. Segundo ele, os quadros da Catur querem colaborar com o Senatur e unir forças para fortalecer o setor, “mas precisamos de ações concretas e mais amplas”, acrescentou.

O presidente do sindicato do turismo ressaltou a importância de aproveitar a inauguração da Ponte da Integração para atrair visitantes a Presidente Franco, que conta com diversos pontos de interesse turístico como os Saltos del Monday, no leito do rio Monday, o Marco das Três Fronteiras e o Museu Moisés Bertoni, naturalista, escritor anarquista e botânico suíço-paraguaio que habitou a região até sua morte, em 1929.

“O turismo gera benefícios importantes para todos os cidadãos, não apenas para um setor específico”, ressaltou o presidente da Catur. “É fundamental que as autoridades compreendam o potencial que o Presidente Franco tem e se comprometam com o seu desenvolvimento turístico de forma sustentável e amiga do ambiente”, enfatizou.

Mudança de nome

A reportagem da La Clave lembra que a Câmara de Turismo apoia a iniciativa de alteração do nome dos “Saltos del Monday” para “Cataratas del Monday”, considerando que este nome teria maior impacto turístico internacional. O projeto foi apresentado pelos deputados Rocío Abed, Liz Acosta, Bettina Aguilera, Luis González Vaesken, Roya Torres, Guillermo Rodríguez e Walter García.

Os designers indicaram que a principal justificativa é a necessidade de posicionar internacionalmente as cachoeiras naturais, com potencial para se tornarem ícones do turismo global. Os parlamentares afirmam que com um melhor posicionamento estimulará a atração de um maior número de turistas, que já visitam as Cataratas do Iguaçu.

Com informações do GDia

Mais notícias